Oii gente! Tudo bem? Hoje eu vim falar sobre a Selo Jovem! 

A selo Jovem atualmente é uma empresa independente, atua no mercado do livro desde 2013 e já possuí gráfica própria, distribuição própria, salão comercial próprio, tornando-se rapidamente uma editora com base sólida e confiável. O catálogo conta com mais de 50 títulos publicados, entre eles dois livros em destaque com o selo best seller.

O objetivo da Selo jovem é publicar obras com 100% de qualidade literária, sem pressa e trabalhando duro na revisão dos textos. Contam com ótimos profissionais desde; diagramadores, revisores, capistas, design e uma gráfica de qualidade.

A selo jovem foi fundada no mês de Março 2013, preparados para ingressar nesse mercado deram os primeiros passos e publicaram seus primeiros livros. Como toda empresa estreante tiveram problemas com preços, qualidade, e prazos. Mas jamais desistiram e continuaram trabalhando a fim de ganhar experiência e amadurecer a cada dia.

Hoje contam com 50 títulos publicados. Recentemente adquiriram gráfica própria e passaram a produzir os livros internamente. Seus profissionais obtiveram experiência e aprenderam a trabalhar de maneira simples e objetiva, estão constantemente contratando profissionais na área de revisão e buscando por novos trabalhadores nas áreas de marketing e traduções.

Além de um quadro profissional totalmente renovado, firmaram contrato com os correios e seus títulos recebem frete fixo para todo o território nacional. Seus livros possuem a mesma qualidade de outras editoras, todos os livros são costurados e colados, no papel pólen bold e soft, as capas são impressas em papel supremo e cartão triplex. Atualmente publicam livros nas medidas 14 x 21 cm, 16 x 23 cm e 12x 17 cm.

Apesar de novos no mercado São conhecedores das dificuldades encontradas no Brasil, tanto para escritor e Editor.


                                                         Paula.

Filme: Moana - Um mar de aventuras
Data de lançamento: 5 de janeiro de 2017
Gênero: Animação
Elenco:  Auli'i Cravalho, Dwayne Johnson, Alan Tudyk ...
Direção: John Musker, Ron Clements
Avaliação:5/5

Sinopse: "Moana Waialiki é uma corajosa jovem, filha do chefe de uma tribo na Oceania, vinda de uma longa linhagem de navegadores. Querendo descobrir mais sobre seu passado e ajudar a família, ela resolve partir em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha mítica que ninguém sabe onde é. Acompanhada pelo lendário semideus Maui, Moana começa sua jornada em mar aberto, onde enfrenta terríveis criaturas marinhas e descobre histórias do submundo". 

Oi gente! Tudo bem? Hoje eu trouxe pra vocês a resenha do filme Moana - Um mar de aventuras, nossa nova princesa da disney <3 

Moana Waialiki é filha do chefe de uma tribo na Oceania e começa a aprender como liderar com o pai. O povo procura alimento só nas redondezas da ilha, não podendo passar disso. Mas Moana quer passar deste limite por que não se acha mais peixes nas redondezas. Porém seu pai, chefe da tribo, proíbe ela de passar dos limites por conta de coisas que aconteceram com ele. 

Já sua avó incentiva a neta a ir através dos limites e Moana tem um grande sonho: Ser uma navegadora. Mal sabia ela que seus ancestrais eram navegadores. Sua avó lhe conta que, os peixes e as frutas estão desaparecendo e estragando por que um semideus - Maui - roubou o coração da Deusa que cuida da natureza - Te Fiti e que se enfureceu com seu coração roubado. A tarefa de Moana é encontrar Maui e seu anzol poderoso e devolver o coração para que tudo volte ao normal na tribo. E como ela vai procurar por Maui? Em mar aberto. 



Eu A-M-E-I esse filme! Muitas coisas que ainda não tinham sido colocadas nas outras princesas da disney que diferencia bastante!
A primeira coisa que eu tenho a dizer que eu simplesmente amei foi que Moana é a primeira princesa da disney que não tem um par romântico.

Moana é uma heroína, simples assim. Ela chega a dizer no filme que não se considera uma princesa "Sou apenas a filha do chefe" Ela diz. No filme inteiro eles apresentam a cultura polinésia, dando mais conhecimento para o telespectador por que, pelo menos eu não sabia a grande maioria das coisas apresentada no filme sobre essa cultura. 
A disney está apostando em personagens femininas, que quebram esse padrão de príncipe e princesa como Elsa, Mulan e agora Moana. Mas na minha opinião, Moana foi a primeira a ser uma personagem forte, determinada, segura de si e corajosa, é a verdadeira representação da girl power.

Maui é outro personagem que eu amei (na realidade não teve nenhum personagem que eu não tenha amado) e eu vi várias críticas sobre ele no twitter e no facebook e vocês não vão acreditar sobre o que eram as críticas. Sobre o peso do personagem. Quanto PRECONCEITO não é mesmo? Pra mim Maui foi um personagem maravilhoso que me cativou por completo, que tem poderes incríveis que que se mostrou um grande amigo para Moana. Pouco me importa o peso do personagem! 

É um filme incrível para assistir com a família, com amigos e sozinha! É um filme maravilhoso, recheado de aventuras e cultura <3 Espero que vocês tenham gostado da resenha de filme de hoje! Super beijos e até o próximo post <3


                                                      Paula.


PUBLIQUE SEU CONTO DE AMOR EM LIVRO!


Se você escreve contos de amor e deseja ser publicado, eis a oportunidade. 

Você pode participar da coletânea SEM MAIS, O AMOR — CONTOS DE AMOR EM FORMA DE CARTAS, EMAILS, PÁGINAS DE DIÁRIO E OUTRAS FORMAS DE REGISTRO ESCRITO, organizada pelo escritor Leandro Schulai.

Qualquer pessoa pode participar. Para submeter um texto à avaliação, basta acessar o site da editora www.andross.com.br

O prazo para recebimento de textos vai até 30 de abril de 2017 e o lançamento será em outubro de 2017, no evento Livros em Pauta.


SINOPSE: Fernando Pessoa já dizia que “todas as cartas de amor são ridículas”. E afirmava veementemente: “não seriam cartas de amor se não fossem ridículas”. Mesmo não vivendo o suficiente para conhecer novas tecnologias de comunicação, o poeta sabia bem que a interação verdadeira entre duas pessoas que se amam se despe de vaidades e apresenta a pureza de um sorriso. SEM MAIS, O AMOR é uma coletânea de contos românticos em forma de cartas, emails, páginas de diário e outras formas de registro escrito. E o mais importante: são histórias ridículas! Exatamente como o poeta disse que tinham de ser.


Essa é sua oportunidade de se tornar um escritor!



Oi gente! Tudo bem com vocês? Hoje eu trago 10 curiosidades sobre esse autor incrível que é John Green! Eu encontrei essas curiosidades na página do Facebook Somos Livros e decidi colocar aqui para vocês verem ok? Ok! (Super referências aqui).


1- Chama-se John Michael Green e nasceu no Indiana, EUA, a 24 de Agosto de 1977.

2- Frequentou a escola preparatória Lake Highland e a Indian Springs School. Esta última foi cenário para um dos livros do escritor: 'Quem é você, Alaska'.

3- John Green tornou recentemente público que sofreu de bullying na escola durante anos.

4- Formou-se em estudos religiosos e quis ser padre episcopal, até à sua experiência de estagiário num hospital pediátrico.

5- Durante cinco meses, John Green trabalhou com crianças hospitalizadas e foi aí que se inspirou para escrever ‘A Culpa é das Estrelas’.

6- O seu primeiro livro ‘Looking For Alaska’ (‘Quem é você, Alaska’ – edições ASA), publicado em 2005, demorou 4 anos para ficar concluído a seu gosto.

7- 
John Green tem um irmão gémeo, Hank Green, com quem mantém um canal no Youtube chamado ‘Vlogbrothers’ e que é seguido por mais de 2 milhões de pessoas. O canal surgiu em 2007, quando os irmãos decidiram apenas comunicar entre si através dos vídeos que publicavam.

8- Adora brincar com anagramas, gosta de ler sobre gémeos e tem medo das alturas.

9- Para além de ‘Quem é você, Alaska’ e 'A Culpa é das Estrelas', John Green também escreveu ‘An Abundance of Katherines', publicado em 2006, ‘Paper Towns’, publicado em 2008 (disponível em Portugal com o título ‘Cidades de Papel’), ‘Let it Snow’, publicado em 2008 em parceria com Maureen Johnson e Lauren Myracle, e 'Will Grayson Will Grayson', em parceria com David Leviathan e publicado em 2010.

10- O escritor é conhecido por ser autor de vários bestsellers do 'The New York Times', sendo que já foram traduzidos para cerca de 20 diferentes idiomas. Quanto a prémios, John Green já alcançou o Prémio Michael L. Printz (2006) da Associação Americana de Bibliotecas, o Prémio Innovators Award pelo L.A. Times Book Prizes e o Edgar Award.


Bom gente, espero que vocês tenham gostado dessas curiosidades sobre John Green e até o próximo post <3


                                                     Paula.

Filme: Minha mãe é uma peça 2
Data de lançamento 22 de dezembro de 2016 
Gênero: Comédia
Elenco: Paulo Gustavo, Rodrigo Pandolfo, Mariana Xavier...
Direção: César Rodrigues
Avaliação:5/5

Sinopse: "Dona Hermínia (Paulo Gustavo) está de volta, desta vez rica, pois passou a apresentar um bem-sucedido programa de TV. Porém, a personagem superprotetora vai ter que lidar com o ninho vazio, afinal Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Marcelina (Mariana Xavier) resolvem criar asas e sair de casa. Para balancear, Garib (Bruno Bebianno), o primogênito, chega com o neto. E ela também vai receber uma longa visitinha da irmã Lucia Helena (Patricya Travassos), a ovelha negra da família, que mora há anos em Nova York".


Oi gente! Tudo bem? Hoje eu vim falar sobre o filme Minha mãe é uma peça 2. Eu assisti o primeiro e amei (achei a dona Hermínia bem parecida com a minha mãe kk') e é claro que eu tinha que assistir o segundo também e enfim eu fui no cinema assistir! Yeah!

O segundo filme apresenta a dona Hermínia em uma nova fase da vida: rica, famosa e avó (Garib, seu filho mais velho teve um filho - notícia dada no primeiro filme) com seu programa de sucesso para donas de casa. 
Apesar de sua vida profissional estar maravilhosa, a bagunça em casa com Marcelina e Juliano continua a mesma, ainda mais quando Juliano começa a voltar atrás com sua homossexualidade, dizendo para a mãe que se tornou bissexual. 

Dona Hermínia continua nervosa e muito protetora por que apesar de xingar e brigar muito com os filhos, ela continua aquela mãe que todo mundo conhece não é? 
Mas ela não imaginava que Marcelina iria passar em um teste de teatro e teria que ir morar em São Paulo. Dona Hermínia sofre com a ausência da filha, porém ainda tem Juliano na sua casa... Por pouco tempo. Juliano também vai se mudar para São Paulo e irá dividir um apartamento com a irmã para tentar dar um rumo na sua vida. 
Dona Hermínia continua com suas visitas frequentes a nossa querida tia Zélia e recebe a visita de sua irmã mais velha, que mora em Nova York, sua irmã Lucia Helena. 



Esse filme tem os mesmos propósitos do primeiro filme, gira em torno de dona Hermínia e seus transtornos da maternidade em relação a Juliano e Marcelina e como tem os mesmos propósitos do primeiro filme, significa também que continua com a mesma graça <3

É um filme que te tira daqueles dias ruins, que você está na maior BAD, completamente triste. Se você estiver se sentindo assim, por favor, corre pro cinema e assiste este filme por que é um filme que da muita vontade de rir até não se aguentar mais. 

Os personagens continuam os mesmos, com a mesma graça que cativa o telespectador. Marcelina, aquela garota que come, come e ainda ta com fome. Juliano, gay... Que encasquetou que agora é Bi! Tirando o sossego de dona Hermínia que já se acostumou com a ideia do filho ser homossexual. 

Este foi o primeiro filme que eu assisti esse ano e já começamos bem rsrs. Recomendo muito este filme!!!! Quero que todo mundo saia dando boas gargalhadas do cinema hahah.

Espero que vocês tenham gostado da resenha de filme de hoje! Um super beijo e até o próximo post. 


                                                    Paula.

Livro: A palylist de Hayden
Autor (a): Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288
Avaliação: 4/5

Sinopse: "Isto é o que Sam sabe: Houve uma festa. Houve uma Briga. Na manhã seguinte, o melhor amigo de Sam, Hayden, estava morto. Tudo o que ele deixou para Sam foi uma playlist - e um bilhete. 
O que Sam não sabe é: Por quê? 
Depois da morte do amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola - o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente. 
Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e a vida que ele levava. 
A playlist de Hayden é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acimda de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil"


Oi gente! Tudo bem? Hoje eu vim com a resenha de A playlist de Hayden, um livro que eu estava super animada para ler! Então, acabei de ler e vim com a resenha pra vocês.

O livro é narrado em primeira pessoa pelo Sam, melhor amigo de Hayden e o livro gira em torno do suicídio de Hayden, o que o levou a fazer isso, por que nunca contou para Sam como se sentia em relação a diversas coisas e o objetivo que Sam tem é de descobrir o por que Hayden fez isso. 
A única coisa que Hayden deixou para Sam foi uma playlist e um bilhete dizendo que após ouvir as músicas ele iria entender. 

Hayden sorfia muito bullying, mas apesar disso Sam nunca pensou que isso geraria uma coisa com um grau maior. Sam se culpa pela morte do amigo, por não ter feito nada para impedi-la e por causa da briga. Ocorreu uma festa na noite anterior, quando Hayden morreu. Na festa aconteceram coisas que influenciaram Hayden a ir adiante com seu suicídio. 
Hayden não era tratado muito bem pelos pais e nem pelo irmão que tinha amigos violentos e assim ficaram chamados como "o trio do bullying" que adorava importunar Sam e Hayden, mas principalmente Hayden. 

Seu irmão Ryan tinha uma inquietante briga com o irmão. Vive agredindo-o de todas as formas possíveis.

Sam então, decidi ir a fundo para descobrir o que aconteceu naquela festa que fez Hayden ir adiante nisso, por que até então Sam se sentia culpado pela briga que eles tiveram após a festa. Mas ele mal imaginava que tem várias outras pessoas que se sentem culpadas... e de repente com razão. 


Que livro! O que mais eu posso dizer? QUE LIVRO!

A playlist de Hayden é um livro que aborda diversos temas como bullying e suicídio, porém essa forma da autora mostrar o suicídio é do lado de quem fica. Podemos presenciar como o Sam fica após ver Hayden morto, sem seu melhor amigo e é isso que a autora aborda. 
O livro mostra que uma única palavra pode fazer a diferença. Uma palavra que ofende, que machuca, que te da dor! Pode levar a algo com um grau mais alto. 

Apesar do livro abordar temas como bullying e suicídio, é uma leitura leve, que você vai lendo e nem percebe as horas passar e quando você vê termina o livro e entra na maior ressaca literária! Os personagens são muito cativantes! Sam é um personagem que eu me afeiçoei bastante dês do início do livro até o final. Um personagem que eu considerei corajoso por suportar a perda do melhor amigo e tentar seguir em frente, mesmo com a cabeça em turbilhões tentando decifrar a playlist de Hayden.

Mas em relação a playlist de Hayden? Eu não entendi. Se era mesmo pistas para mostrar a Sam o por que de Hayden cometer suicídio não funcionaram. O livro inteiro Sam não consegue decifrar absolutamente nada da playlist e eu achei isso meio confuso. Em alguns capítulos nós podemos notar que as músicas sem fundiram com os acontecimentos do capítulo, porém não eram pistas para Sam, que descobriu tudo conhecendo pessoas que se aproximaram de Hayden sem ele saber. 
Essa é a única objeção negativa do livro, por que como eu disse: QUE LIVRO!

Bom gente, espero que vocês tenham gostado da resenha de hoje! Super beijos e até o próximo post!



                                                    Paula.



Oi gente!! Tudo bem com vocês? Hoje eu vim falar de um assunto bem polêmico no mundo da blogosfera e em qualquer outro lugar que é PLÁGIO. Já fiz um post relatando uma situação bem chata que aconteceu comigo sobre plágio - vou deixar o link pra vocês (Aqui) - e decidi falar novamente sobre plágio.

Sinceramente, eu acho ridículo alguém que não tem capacidade de pensar e prejudicar outra pessoa plagiando algo dela! Me poupe, nos poupe! Aconteceu vários casos de plágio comigo, o que mais me deixou enfurecida, com vontade de chorar mesmo foi o do link acima que deixei pra vocês, que no caso foi de uma pessoa que eu confiava. 

Por que eu vim falar de plágio novamente? Por que parece que os casos de plágio surgiram mais, principalmente aqui na blogosfera.
Sobre isso, eu só queria falar para que todos sejam criativos! Não tem essa de "aihn, eu não tenho criatividade", todo mundo tem! Eu acho absurdo uma pessoa ter a capacidade de ROUBAR, sim essa palavrinha mesmo, uma postagem, uma música, uma ideia que seja de outra pessoa. 

Ocorreu comigo esses dias um plágio. Todas as postagens que eu estava fazendo na fan page do blog, um outro blog estava fazendo. É claro que eu já fiquei bem brava, porém não me manifestei. Quando eu entrei no tal blog, as postagens eram idênticas as minhas. Eu fiquei brava, mandei uma mensagem tentando concertar o problema e a pessoa disse que vai excluir as postagens que no caso seriam minhas. 

Como é chato você fazer uma resenha com todo o amor e carinho e descobrir que tem uma pessoa plagiando-as. O blog Leitora Neurótica é de fato um blog pequeno, porém tem um conteúdo que eu faço com todo o amor, tenho meu cantinho aqui em casa só pra postar, escrever resenhas e tudo mais! Se você quer escrever uma resenha e fazer sucesso na blogosfera só precisa de uma coisa: ler! É o que eu faço, é o que os blogueiros literários fazem! Não se pode fazer uma resenha de um livro que não leu, muito menos plagiá-la. 

Bom gente, este é o post de hoje, espero que vocês tenham gostado, super beijos e até o próximo post <3


                                                     Paula. 


Oi gente!! Tudo bem com vocês? Vocês sabem que eu sou A-P-A-I-X-O-N-A-D-A por Harry Potter!! Porém, eu havia lido apenas dois livros da saga ( O Cálice de fogo e As Relíquias da Morte) que se eu não me engano resenhei aqui no blog em 2015.  Em relação aos filmes, já assisti a todos dês de pequena por que minha irmã mais velha também ama Harry Potter e é uma fã a muito tempo. 

Então, eu recebi um presentão de Natal! O box dos livros de Harry Potter! No momento eu parei em O Cálice de Fogo. A partir de O Prisioneiro de Azkaban eu percebi que tem bastante mudanças em relação ao filme e nos dois primeiros também, mas não são tão grandes. 


Por que eu não estou fazendo resenha dos livros de Harry Potter? Por mais que eu queria muito fazer, a grande maioria dos leitores já leu Harry Potter e por isso não vejo necessidade de resenhar os livros aqui por que imagino que todos  vocês saibam que são livros maravilhosos. 


Quando eu li o Cálice de fogo, antes de ter o box já tinha me apaixonado pelos livros. Claro que eu já tinha assistido aos filmes quando comecei a ler Harry Potter, mas em nenhum momento comparei cenas do livro com o filme por que o livro simplesmente PRENDE O AUTOR! ( Adoro essa frase)

Bom gente, esse é o post de hoje e eu espero que vocês tenham gostado!!! Super beijos e até o próximo post!



                                                         Paula.

"Até 30 de abril de 2017, a Andross Editora estará recebendo contos fantásticos para publicação no livro PILARES ETERNOS”
 

A Andross Editora está recebendo contos fantásticos para publicação no livro "Pilares Eternos - Contos fantásticos”, a ser lançado em outubro de 2017 no evento Livros em Pauta.

Qualquer pessoa pode participar. Basta acessar o site www.andross.com.br, ler o regulamento de participação e submeter seu texto à avaliação. As inscrições vão até 30 de abril de 2017.

 
Todos os autores que forem aprovados para publicação nessa coletânea automaticamente concorrerão ao STRIX, prêmio criado e concedido pela Andross Editora aos autores cujos textos mais se destacarem em suas coletâneas. O processo de votação encontra-se no site do prêmio.
 

SINOPSE DO LIVRO:
Toda a História foi construída em cima de mitos e lendas extraordinárias, capazes de entreter, ensinar e aterrorizar a humanidade. O insólito e o fantástico são os pilares que sustentarão eternamente a necessidade do homem de contar.



SERVIÇO: 
Livro: “Pilares Eternos - Contos fantásticos” 
Organização: Paola Giometti
Envio do texto: até 30/04/2017
Lançamento: Outubro de 2017 (no evento Livros Em Pauta
Regulamento: no site www.andross.com.br 
Realização: Andross Editora



 
Abaixo, segue uma entrevista da organizadora do livro sobre o processo de publicação. 
Vale a pena assistir.
   


Oi meus amores!! Tudo bem com vocês? Hoje eu vim mostrar os filmes mais esperados para este ano! Vamos dar uma olhadinha? 


Moana - Um mar de aventuras


Sinopse: "Moana Waialiki descende de uma longa linhagem de navegadores e é uma grande entusiasta das viagens pelo mar. Mas quando sua família precisa de ajuda, ela terá que embarcar em uma jornada épica repleta de semi-deuses e espíritos".

Moana! A nova princesa da disney que eu amei! Este filme já estreio dia 5 de janeiro nos cinemas com a direção de John Musker, Ron Clements


Power Rangers


Sinopse: "Os heróis saídos da série de TV retornam ao cinema em um terceiro longa-metragem, que tem a chance de mostrar para uma nova geração o grupo de estudantes comuns que consegue ter a habilidade de se "morfar", ou seja, se transformar em super-herói para acabar com monstros gigantes".

Este filme estreia em 23 de março com a direção de Dean Israelite,


A Bela e a fera 


Sinopse:" A produção é uma versão live-action da animação clássica de mesmo nome lançada em 1991. A história traz Emma Watson na pele de Bela, uma jovem simples que se oferece para ser prisioneira da Fera no lugar do pai, que teve um mal-entendido com o ser horrendo. Aos poucos ela vai percebendo que por trás da assustadora criatura há alguém de coração e alma de príncipe".

O filme mais esperado por mim, não conto as horas, os dias, os meses para chegar 16 de março 3 


Star Wars 8



Sinopse: Daisy Ridley e companhia retornam para mais uma aventura numa galáxia muito, muito distante. O retorno da franquia veio com força total em 2015 com o imenso sucesso de Star Wars: O Despertar da Força, que faturou US$ 2 bilhões, mundialmente, ficando atrás de Titanic (US$ 2,1 bilhões) e Avatar (US$ 2,7 bilhões).

Tem direção de Rian Johnson e estreia dia 15 de dezembro <3.


Guerra mundial Z 2 


Sinopse: O funcionário da ONU Gerry Lane (Brad Pitt) precisa salvar sua família e dar auxílio ao governo para evitar que um novo vírus zumbi acabe com a população da Terra.

Eu assisti o primeiro e amei! Espero que o 2 seja melhor ainda! Estreia dia 9 de Junho com direção de David Fincher. 


Mulher Maravilha


Sinopse: O filme é baseado na história em quadrinhos criada por William M. Marston e a super-heroína, interpretada por Gal Gadot, tem a chance de mostrar sua força num filme solo após ser devidamente apresentada em Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016). Parte da trama será ambientada durante a Primeira Guerra Mundial e mostra a ligação da heroína amazona com o piloto Steve Trevor (Chris Pine).

Amo a mulher maravilha e tô louca pra assistir ao filme somente dela <3 Estreia dia 2 de junho com direção de Patty Jenkis. 

Ainda tem muitos mais filmes aguardados como Anabelle 2, Meu malvado favorito 3, Piratas do Caribe - A vingança de Salazar, Thor 3, Liga da justiça e é claro Homem Aranha - De volta ao lar.

Bom gente, espero que vocês tenham gostado do super post de hoje e amanhã tem mais! A Leitora Neurótica vai começar a postar todos os dias a partir de hoje! Yeeee! <3 Super Beijos e até amanhã. 

Livro: Cujo
Autor: Stephen King
Editora: Suma de letras
Páginas: 373
Avaliação: 5/5

Sinopse: " Nos arredores de uma pacífica cidade do Maine, um monstro está à espreita. Frank Dodd está morto e a cidade de Castle Rock pode ficar em paz novamente. O serial killer que aterrorizou o local por anos agora é apenas uma lenda urbana, usada para assustar criancinhas. 
Exceto para Tad Trenton, para quem Dodd é tudo, menos uma lenda. O espírito do assassino o observa da porta entreaberta do closet, todas as noites. 
Nos limites da cidade, Cujo - um são bernardo de noventa quilos, que pertence à família Camber - se distrai perseguindo um coelho para dentro de um buraco, onde acaba sendo mordido por um morcego raivoso. A transformação de Cujo, como ele incorpora o pior pesadelo de Tad Trenton e de sua mãe, e como destrói a vida de todos à sua volta, é o que faz deste um dos livros mais assustadores e emocionantes de Stephen King"

Oi gente! Tudo bem com vocês? Então... Eu li um livro de terror! Demorei um pouco pra ler esse livro por que não é um dos meus gêneros preferidos, isso acontece comigo, mas no decorrer de toda a história fui me envolvendo mais com os personagens e acabei entrando de vez nesta leitura. 

A trama começa nos apresentando a família Trenton, composta por pai (Vic), mãe (Donna) e um único filho de 4 anos (Tad) na década de 1970, em uma cidade chamada Castle Rock, que se concentra na zona mais rural do Maine. 
A família é aparentemente feliz, porém todas as noites quando Tad vai dormir aparece um certo monstro no seu closet querendo se aproximar dele. Esse monstro venha a ser para Tad o espírito de Frank Dodd, um ex policial que na realidade era um serial killer que matava mulheres, mas que havia morrido alguns anos antes. 

No outro lado da cidade, em uma zona mais solitária, vive a família Camber. Os Camber tem um cachorro são bernardo chamado Cujo que Joe Camber deu ao seu filho Brett quando ainda era pequeno. Cujo, um são bernardo bem treinando e obediente se distrai caçando um coelho, quando ele cai em um buraco onde encontra morcegos raivosos. Um desses morcegos morde Cujo, transferindo raiva para o cachorro. 

Quando Vic Trenton viaja por 10 dias com seu sócio Roger Breakestone para salvar a conta com a empresa de cereais Sharp, Donna e o filho Tad ficam sozinhos em casa. Donna então decidi ir ao mecânico Joe Camber com o filho arrumar o seu Corcel que está com um problema na válvula. O que os dois menos imaginariam é que Joe Camber saiu para beber umas com seu amigo Gary e sua esposa e seu filho viajaram para visitar a irmã dela, Holly. O único que ficou em casa foi o são bernardo raivoso, Cujo, que tem um único desejo depois de ter sido mordido: Matar a MULHER e o MENINO. 

O carro de Donna pifou de vez logo depois de chegar na oficina de Joe Camber e não poderá sair tão cedo por causa do cachorro que quer matar ela e seu filho. Donna se vê em dúvidas: arriscar correr até a varanda e tentar abrir a porta da casa dos Camber ou simplesmente esperar por uma pessoa que por milagre apareça na solitária rua dos Camber onde só tem a própria casa deles? 


"Você pode me sentir mais perto... Cada vez mais perto".

E se eu disser que gostei e vou ler mais livros do Stephen King vocês vão acreditar? É um livro que prende o leitor por inúmero motivos, mas o principal motivo é por ter um único capítulo! "Como eu vou parar de ler para poder dormir?" perguntava a mim mesma, "é impossível!"

A trama não envolve muita coisa sobrenatural - além do serial killer Frank Dodd - até por que poderia acontecer com qualquer um, ficar preso diante de um cachorro com raiva querendo realmente te matar e é isso que deixa o livro mais assustador, é o fato de sabermos que isso realmente pode acontecer. 

Sobre os personagens, não tive um apego maior com nenhum. Tad Trenton conseguiu a minha atenção e o meu amor como leitora, mas não que ele tenha se tornado um dos meus personagens preferidos. A grande maioria dos personagens são adultos com uma mentalidade de adolescente, como por exemplo Donna Trenton (que me despertou uma raiva que SENHOR!) é uma personagem nada cativante que mostra que para ela é péssimo ficar com uma idade mais avançada e por isso faz coisas irracionais que me arrisco em dizer que nem meninas com 15 anos fariam. 

Sobre Vic Trenton, achei o personagem muito - no linguajar brasileiro - trouxa! (nada de Harry Potter por aqui não) e ainda mais no linguajar gaúcho - "Tararaca". Não quero deixar spoilers por aqui, mas Vic Trenton é um personagem que mesmo que você repita os mesmo erros acredito que ele continuaria perdoando fácil. 

O final é surpreendente, você cogita várias possibilidades para o final, porém o que acontece é algo que ninguém vai imaginar por aqui (SEM SPOILERS AQUI, PLEASE!). 
Também nas últimas páginas tem uma entrevista com o autor sobre esta obra, como ele se baseia em seus livros e outras coisas a mais <3

Bom, está foi a resenha do livro Cujo, espero que vocês goste, um super beijos e até o próximo post!


                                                       Paula.

Oi meus amores!!! Já temos o resultado do sorteio e o vídeo prontinho para vocês conferirem!!! O vídeo foi publicado na Fan Page do blog por que ocorreu um problema com a câmera e foi filmado pelo celular, com isso não foi possível colocar aqui no blog :( Mas vai permanecer na Fan Page! <3

 OBS: Caso a sorteada não entre em contato com o blog, farei um novo sorteio. 

A ganhadora do sorteio foi: Samantha Corrêa! Parabéns Samantha! Você ganhou três livrinhos maravilhosos e espero que goste da leitura <3

Podem conferir o vídeo AQUI




Olá meus amores! Ontem foi o encerramento do sorteio de Natal!! O vídeo do sorteio será exposto amanhã ou hoje aqui no blog pra vocês conferirem quem ganhou e como funcionou o sorteio bem direitinho <3

Os livros sorteados foram:

1- A Filha de Homero - Robert Graves
2- 365 Dias do ano, Staying Strong - Demi Lovato
3-Mortes Imaginárias - Michel Schneider


Como funcionou:


1 passo: Curtir a Fan Page do blog (obrigatório)


2 passo: Seguir o blog (obrigatório)


3 passo: Seguir o blog no Twitter (opcional)


4 passo: Seguir o blog no instagram (opcional)


5 passo: Comentar a publicação oficial com seu nome de seguidor em cada passo que você seguiu (obrigatório)


O vídeo será feito provavelmente hoje aqui no blog para vocês conferirem quem venceu <3 Super Beijos e até o vídeo <3


                                                    Paula.

Tecnologia do Blogger.